terça-feira, 18 de setembro de 2012

saiu o cordeiro do trono?


Recebemos de um amado irmão uma pergunta específica, e gostaríamos de partilhar esta resposta com todos.

Irmãos vcs creem que o cordeiro já saiu do trono?
 
RESPOSTA:
 
Amado irmão, a resposta para sua pergunta é Sim, e Não. Permita-me explicar porque as duas coisas. Eu creio que o Cordeiro saiu do Trono SIM, mas eu NÃO creio que ele desceu. E imagino que sua pergunta tinha esse sentido, porque os irmãos que defendem a tese de que o cordeiro saiu do trono da intercessão, também afirmam que Ele desceu juntando isso com Apocalipse 10:1 ao 7. Por favor, se tiver um tempinho leia à forma como eu vejo estes acontecimentos.

O irmão Branham disse que a Maior de todas as revelações é a compreensão sobre a Deidade de Jesus Cristo, porque é sobre esta Revelação que a Igreja está edificada. Mateus 16: 16 E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. 17 E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque to não revelou a carne e o sangue, mas meu Pai, que está nos céus. 18 Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela;

É claro que se a compreensão que a pessoa tem for Unicista, de que Jesus é o próprio Pai Eterno, realmente será levado a crer que o Cordeiro saiu do trono e desceu nos dias da Voz do Sétimo, e mesmo que o Irmão Branham tenha explicado o processo, fica tudo um pouco obtuso, e torna-se mais fácil seguir o obvio provocado pelo arrazoamento lógico, porem se a compreensão do crente tem como fundamento a mesma Revelação que Pedro teve a respeito de Jesus, que Ele é O Filho de Deus, então as explicações dada por William Branham serão compreendidas perfeitamente, e a pessoa entende que o Cordeiro saiu sim do Trono, mas voltou a se assentar no Trono de Seu Pai. Portanto teve um que desceu nos dias da Voz do Sétimo Anjo, mas Este não foi o Cordeiro.

 

Almas em Prisão Agora - 149     - O Cordeiro surgiu, foi até Aquele que tinha o Livro em Sua destra, e recebeu o Livro; subiu no Trono e Se assentou. Isso mesmo. Terminou (quando?) quando os Selos foram revelados.

A questão surge bem aqui, porque o profeta nunca disse que o Cordeiro rompe os selos e desce a terra, Ele pega o livro das mãos do Dono Original Deus Mesmo, rompe os selos, e se assenta no Trono. Então eu não posso crer que o trono ficou vazio. O problema da interpretação é que o pensamento Unicista acredita que Jesus é o próprio Pai Eterno, mas sabemos pela revelação das Escrituras que Jesus tem um Pai, e que o Filho se submete a vontade do Pai.

O próprio Paulo cita esta escritura em 1º CORÍNTIOS 15:12-28. Note que no versículo 15 Paulo diz, “Deus ressuscitou a Cristo.” Então no versículo 24-28 Paulo te deixa saber que existe uma diferença entre o Pai e o Filho. É o Pai Quem coloca todas as coisas debaixo dos pés do Filho. Até mesmo o irmão Branham nos ensinou que na Nova Jerusalém, a Coluna de Fogo estará bem no topo, logo abaixo estará o Cordeiro, que é o corpo, que é Cristo Jesus e então vem a Noiva nesta ordem. Então nós vemos que Jesus ainda está sujeito ao Pai.

PERGUNTAS E RESPOSTAS #2 - 64-0823 2E No cume do Monte Sião se assentará o Cordeiro. E a Cidade não precisará de luz, pois o Cordeiro será a Lâmpada. E acima do Cordeiro estará o Pai, que é o Logos, Deus, a grande Luz, a Luz Eterna que brilhará bem acima do Trono. E Jesus não estará no Trono de Seu Pai. Ele estará sobre o Seu Trono. E o Pai pairará sobre o Filho, pelo que o Pai e o Filho serão Um. “E enquanto ainda estiverem falando, eu responderei. Antes que possam pensar, eu estou pensando por eles.” Isso é certo.

A cena começa com uma descida. Então, quem desceu se Jesus tomou o livro e se assentou?

O irmão Branham disse em O PRIMEIRO SELO 63-0318 271, Agora, o Espírito Santo e a revelação e Cristo é: o Espírito Santo é Cristo numa forma diferente. Isso é correto. Note, foi um Cordeiro que abriu o Livro, e o Cordeiro é Cristo; e Cristo não é mais visto daí em diante, mas Ele é visto no Livro de Apocalipse, capítulo 19, vindo num cavalo branco.

Agora, mantenha isto em mente, porque o irmão Branham disse que o Cordeiro não é visto novamente desde a abertura dos selos, ele só volta a aparecer em Apocalipse 19.

Novamente nós encontramos no parágrafo 25-1 de ALMAS EM PRISÃO 63-1110M, ele disse: “E João olhou para ver um Leão, e o que ele encontrou? – um Cordeiro, e era um Cordeiro sangrento. Um Cordeiro que tinha sido morto. Quanto tempo? – desde a fundação do mundo. O Cordeiro saiu, foi até Aquele que tinha o Livro em Sua mão direita, e recebeu o Livro. Subiu no trono e se assentou. Encerrado. Tinha acabado. Quando? – quando os selos foram abertos.”

E novamente no parágrafo 34 QUEM DIZEI VÓS SER ESTE?  “João, procurando ver um – um leão, ele viu um Cordeiro que tinha sido morto, um – um Cordeiro sangrento sair e tomou o livro, subiu no Trono e se assentou.”

Então nós vemos aqui que o Cordeiro tomou o livro no Capítulo 5 (Ele abriu o livro e então Ele foi e subiu e se sentou no Trono do Pai). Agora, recorde,  se nós não vemos o Cordeiro que é o corpo do capítulo 5 até o capítulo 19,  porque Ele está sobre o trono, então Quem desceu em Apocalipse 10?

Eu creio que é o mesmo que nós vemos em 1 TESSALONICENSES 4:15-18 que nós diz que o Próprio Senhor descerá com Alarido, do qual o irmão Branham disse, “o alarido é uma mensagem saindo, “O Alarido, Um Mensageiro preparando um povo.” Então, qual Senhor desceu? “O Senhor disse ao Meu Senhor.” Então, qual desceu? De qual estamos falando Aqui? Do Pai ou do Filho? A nossa resposta está no versículo 14.

1 TESSALONICENSES Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele. Agora, isto está nos dizendo que Deus nos traz com Jesus ou está nos dizendo que Deus traz com Ele mesmo?

Lembre, em Apocalipse Capítulo 10 nos é dito que quando este Anjo poderoso, quem o irmão Branham chamou de Cristo na forma de Espírito Santo desce, note que Ele vem com uma grande voz que é um Alarido. E esta Grande voz soa como um leão. Nós encontramos no Livro de Amós que esta é a voz do Próprio Deus.  AMÓS 3:7-8 “Certamente o Senhor DEUS não fará coisa alguma, sem ter revelado o seu segredo (Mistério) aos seus servos, os profetas. 8Rugiu o leão, quem não temerá? Falou o Senhor DEUS, quem não profetizará?”

Então nós vemos que a escritura nos diz que é a Voz de Deus que vem no alarido com uma grande voz. E esta grande voz soa como o rugido de um leão, trazendo medo a todos que a ouvem e, todavia ela também é uma voz profética como se afirma aqui no livro de Amós. Então por hora devemos entender que é o Próprio Deus e não o Filho de Deus que vem nesta hora para Revelar o Mistério Dele mesmo.

É aqui que muitos crentes desta Mensagem têm falhado. Eles não sabem quem desceu. E é porque eles não entendem a Deidade. Você pergunta para eles quem desceu, e eles lhe dizem que foi o Cordeiro. Mas o Cordeiro está sobre o trono até que Ele é visto novamente em Apocalipse Capítulo 19. Então, quem desceu? Você encontrará a resposta em Efésios, Capítulo Um também. Foi “O Pai da Glória”.

Paulo nos disse que é Deus que virá. Efésios 1:17-20  Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação; 18Tendo iluminados os olhos do vosso entendimento, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos; 19 E qual a sobre excelente grandeza do seu poder sobre nós, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder, 20Que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos, e pondo-o à sua direita nos céus.

Na Mensagem SETENTA SEMANAS DE DANIEL 67 – 06/08/1961 - ele disse: “O Espírito de Sabedoria entra na igreja para tornar conhecido à igreja pela revelação do Espírito Santo, trazendo a igreja para dentro e revelando em que dia estamos vivendo. Exatamente como Gabriel veio para Daniel, o Espírito Santo vem para a igreja nos últimos dias para revelar estas grandes coisas profundas. Você entende agora?”

Então nós vemos que Deus vem com o Espírito de Adoção e nos deixa conhecer que é Ele que vem porque Ele é o mesmo que ressuscitou Jesus.

Em 2 Tessalonicenses 2 nós vemos que o Espírito Santo de Deus está segurando a ilegalidade até Ele sair, e quando Ele sair da terra  Ele vai nos levar com Ele para o arrebatamento.

Do PRIMEIRO SELO, 63-03118 161-3, o irmão Branham disse, “Note, e quando este Espírito Santo que nós temos, se encarnar para nós, Este que está no nosso meio agora na forma de Espírito Santo,  se encarnar para nós na Pessoa de Jesus Cristo, nós o coroaremos Rei dos Reis...?... Isso é certo. Vê?”

Então, Apocalipse 10 não está falando do Corpo que desce, que é a Segunda Vinda. Não é o Cordeiro, é o Espírito Santo Mesmo a quem a Escritura se refere como a Aparição. Para entender melhor este assunto, por favor, leia nossos arquivos sobre Parousia, Aparição e Vida. 

Da MENSAGEM DA GRAÇA, 27/08/1961 - parágrafo 30, ele disse: “Existe apenas uma coisa diferente Dele estar aqui nesta manhã de quando Ele estava entre as pessoas na Galiléia: esse seria Seu próprio corpo de carne, Seu corpo; porque esse foi ressuscitado (você crê?) está assentado à destra da majestade nas alturas, vivendo sempre para fazer intercessões sobre as nossas confissões.

QUERÍAMOS VER JESUS 57-0226 E-14 Agora, se Ele é o mesmo, só há uma coisa que O faria diferente do que Ele era quando Ele andou nas margens da Galiléia: isso é que Ele não estaria em um corpo. Agora, esse corpo foi levantado, e está sobre o trono de Deus nesta noite. Aquele que vencer se assentará Comigo no Meu trono, como Eu venci e me assentei no trono do Meu Pai.

Se estes parágrafos das mensagens, juntamente com as escrituras não forem suficientes, então não tenho outra forma de lhes responder esta questão, mas resumindo tudo, o Cordeiro depois que toma o livro, ele rompe os selos e se assenta, existe uma descida, mas não se trata do Cordeiro, mas do Seu Pai, que desce a terra como o Juiz de toda terra e se manifesta na forma do Pilar de Fogo, e usa mais uma vez carne humana, e fala através de lábios humanos.



 

Para mais informação escreva para




terça-feira, 22 de maio de 2012

a deidade revelada no batismo





Amado irmão (...), Deus te abençoe hoje e sempre. É um prazer ter este contato com o irmão, e agradeço a confiança. Tentarei responder as tuas perguntas começando pela última.

Pergunta nº 2- Entendendo a Deidade o batismo muda a forma?

Resposta: Se você foi batizado da forma correta, o que tem a fazer é buscar a revelação deste batismo, já que isto é apenas o primeiro passo. Apesar de o ponto de partida do profeta ter sido Atos 2:38, Deus não enviaria um Profeta para esta geração apenas por causa do batismo, porque muitas igrejas batizam usando a formula correta e eles não necessitaram de um profeta para isso. O que nos faz entender que existe algo mais na restauração da Doutrina Apostólica do que Batismo, Santa Ceia, Lava Pés, o erro da trindade, etc... tudo isso, apesar das denominações terem se desviado destes princípios, muitos grupos batizam  usando O Nome, ministram a ceia com pão asmo, e ministram o lava pés entre os fiéis. E eles não necessitaram de um profeta para isso. O que nos leva a questão anterior; Existe algo mais que isso no plano da restauração.

Se o batismo foi realizado de acordo com o modelo bíblico No Nome do Senhor Jesus Cristo, não tem porque realizar "outro" batismo, mas se o batismo foi apenas "no nome de Jesus" orientamos a pessoa que seja batizada da forma correta.

O Irmão Branham também nos falou do mistério da Deidade que foi revelado no batismo correto. Então se os UNICISTAS batizavam correto, por que nós precisamos de um sétimo anjo para revelar a nós este batismo? Ele disse que o mistério da Deidade se cumpre no batismo.
SENHORES É ESTE O SINAL DO FIM 30/12/1962 - 31- Esses são alguns dos mistérios que este anjo está suposto a revelar, todos o mistério... todos os mistérios de Deus... E o outro... deixe me dizer este com reverência, e não referindo a mim mesmo, mas referindo ao Anjo de Deus. A semente da serpente, que tem sido um mistério escondido por todos estes anos. A graça endireitada, não desgraça, mas real e verdadeira graça. Nenhuma coisa tal como um eterno inferno ardente. Você queimará por milhões de anos, mas qualquer coisa que era eterna nunca teve princípio nem fim, e o inferno foi criado. Todos estes mistérios. O mistério do batismo do Espírito santo sem sensação, mas a Pessoa de Cristo executando em você as mesmas obras que Ele fez. O mistério do batismo nas águas, onde o trinitarianismo extremo tem trazido isto em títulos de Pai, Filho, Espírito Santo, e o mistério da Deidade sendo cumprido no batismo no Nome de Jesus Cristo de acordo com o Livro de Apocalipse, que a igreja por este tempo era para receber. Ali está alguns dos mistérios.

Portanto, se realmente temos entendido a verdade sobre o batismo, temos que entender a verdade sobre a Divindade, uma vez que a formula do batismo já está nos mostrando Quem é Este que Deus fez Dele, Senhor e Cristo, o porquê tomamos o Seu nome, uma vez que o Filho de Deus veio manifestar para os demais irmãos o Nome do seu pai. Não creio ser necessário apontar aqui cada escritura.
Agora, não importa se aqueles que tem um pensamento Unicista batizam corretamente, a questão é: entenderam corretamente a revelação sobre o batismo no nome? William Branham disse que não era um Unicista,

MOSTRA NOS O PAI 07/09/1953 – 96 - A Há UM só Deus. E eu difiro e discordo com a organização de Pentecostes que chama a Unicidade como seu dedo é um. Isso está errado. Absolutamente, está errado.  

Agora, se William Branham fosse um Unicista, então por que ele negaria isto? E se ele não é, então sua revelação do Batismo no NOME do Senhor Jesus Cristo deve ser diferente da fórmula UNICISTA para batismo.  

PULGÃO GAFANHOTO LAGARTA 23/08/1959 -140 - Deus todo poderoso, o Pai, habitou N´Ele. No dia do batismo, quando Ele recebeu o Espírito Santo no dia quando João O batizou, João disse, " Eu vi o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea, como uma pomba; e ouviu-se uma voz do céu, que dizia: Tu és o meu Filho amado, em ti me tenho comprazido." Jesus disse que Deus estava com Ele, "eu e Meu Pai somos Um. Meu Pai habita em mim. “Não Jesus, e sendo um com Deus; mas Deus estava em Cristo, reconciliando o mundo consigo mesmo. 143 e vocês irmãos Unicistas, muitos de vocês tomam o caminho errado quando vocês tentam pensar que Deus é um como seu dedo é um. Ele não pode ser o Próprio Pai dele. Ele não pode ser.”

Agora, Se já somos batizados no modelo bíblico apostólico, é tempo de termos a revelação deste nome, ou do porque ser batizado no nome do Senhor Jesus Cristo. Para começar, temos que entender que Jesus recebeu este nome por Herança. Se Jesus recebeu como herança, nós também herdamos com Ele.

Romanos 8:17 - E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo

Eu Sei - § 86 - Não viemos aqui nesta manhã apenas para assentarmos e falarmos a respeito de algum assunto histórico, que é todo verdadeiro, mas viemos aqui com um testemunho nesta manhã: “Eu sei que Jesus Cristo é o Filho de Deus. Eu sei disto além de qualquer sombra de dúvida. Eu sei que Ele ressuscitou dos mortos, e Ele vive dentro de mim hoje. Ele é meu e eu sou Dele. Sou co-herdeiro com Ele no Reino de Deus.

Hebreus 1:2 - A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo.

Hebreus Capitulo 1 - 21/08/1957 - §106 - O que foi o isto? Isto foi uma designação. Oh, ouçam! Ele foi constituído (Cristo foi) herdeiro de tudo,

Hebreus 1:4 - Feito tanto mais excelente do que os anjos, quanto herdou mais excelente nome do que eles.Se Ele herdou, então isto teve que ser do Seu pai.
João 17:6 Manifestei o teu nome aos homens que do mundo me deste; eram teus, e tu mos deste, e guardaram a tua palavra.
Ele só poderia manifestar o nome do Pai, recebendo este nome – então este é o nome do Seu Pai, e não há maior nome do que este. Filipenses 2:10 Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra,

Então não estamos tomando o nome do Filho de Deus, nosso irmão, mas através de Jesus nós temos direito a este nome, ao nome do nosso Pai.

 A família é de Deus, Efésios 2:19 Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus;
Em reverencia e adoração, nós nos prostramos diante deste que é Deus e Pai, que através de Jesus Cristo nos foi dado direito a este nome. Efésios 3: 14 Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, 15 Do qual toda a família nos céus e na terra toma o nome,

Não somente Jesus recebeu este nome, mas todos aqueles que aprendeu de Jesus, leva adiante este nome, uma vez que recebeu a revelação que pertence a esta grande família de Deus.

Jesus é o primogênito nesta família. Romanos 8:29 Porque os que dantes conheceu também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.
Filipenses 2:11- E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o SENHOR, para glória de Deus Pai.

Colossenses 1:15 O qual é imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação;


Hebreus 1:6 E outra vez, quando introduz no mundo o primogênito, diz: E todos os anjos de Deus o adorem.

Deus constitui-o Seu Filho Jesus como Senhor e Cristo.Atos 2:36 - 36 Saiba, pois, com certeza toda a casa de Israel que a esse Jesus, a quem vós crucificastes, Deus o fez Senhor e Cristo.

Este mesmo Deus que fez de Jesus Seu Filho Senhor e Cristo, exige que todos confessem isto, para Sua própria gloria.
Filipenses 2: 11 E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o SENHOR, para glória de Deus Pai.
Listamos a seguir várias citações do irmão Branham onde ele fala como e porque O Filho de Deus recebeu este nome, e o porquê temos que ser batizados neste nome. Peço que leia cada citação com cuidado. Algumas frases eu deixei em negrito como destaque para chamar atenção para pontos específicos, ou você não vai entender que porque o profeta disse: "O filho sempre toma o nome de seu pai em todo caso. Eu vim à terra em nome de um Branham, porque meu pai era chamado Branham. Jesus disse: “Eu vim em nome de meu Pai e vocês não me têm recebido”. Desejam ter a referência onde está escrito? S. João 5:43. Então o Pai pôs Seu próprio nome, o qual é Jesus, em Seu Filho."

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - §16 - E onde Ele escolheu o Seu lugar, Ele colocou o Seu Nome. O segundo versículo aqui nos diz que “Ele colocaria o Seu Nome no lugar que Ele tivesse escolhido para nele o povo adorá-Lo” Agora, o negócio é que queremos encontrar onde fica esse lugar.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 33 - Agora, procuremos agora para ver qual é este lugar, e o lugar que Ele colocou o Seu Nome. Vamos ter que descobrir onde Ele colocou o Seu Nome. Então, se descobrirmos qual é o Nome de Deus e onde Ele O colocou, então encontraremos o lugar de adoração logo que descobrirmos isso.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 40 - Deus não escolheu colocar o Seu Nome em nenhuma denominação. Quero a Escritura para isso, se for. Sei que alegam que Ele colocou, mas Ele não colocou. Ele não pode colocar o Seu Nome em muitos lugares, porque Ele disse que colocou o Seu Nome em UM lugar. E, esse tal lugar, cada uma das nossas denominações quer dizer que ela é esse lugar, mas é contrário. Mas onde Ele colocou Seu Nome? 41 Agora, e, Ele, qual é o Seu Nome, primeiro? Teremos que (Nome) encontrar qual é o Nome de Deus antes de podermos encontrar o que é que Ele esta colocando no lugar. Agora, encontramos que Ele tinha muitos títulos. Ele é chamado o... Ele foi chamado “Pai,” que é um título. E Ele foi chamado “Filho,” que é um título. Ele foi chamado “Espírito Santo,” que é um título. Ele foi chamado “Rosa de Sarom,” que é um título. “Lírio dos Vales,” um título, “Estrela da Manhã.” “Jeová-Jiré, Jeová-Rafá.,” sete nomes diferentes, compostos, de redenção, e todos eles eram títulos. Nenhum deles era nome. Mas Ele tem um Nome.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 44 - E agora encontramos que Jesus disse também: “Eu vim em Nome de Meu Pai, e não Me aceitais.” Então, O Nome do Pai deve ser Jesus. Isso mesmo. O Nome do Pai é Jesus, porque Jesus disse que sim. “Levo o Nome do Meu Pai. Venho em Nome de Meu Pai, e não Me aceitais.” Então, Seu Nome era Jesus. E Gabriel O chamou de Jesus, os profetas O chamaram de Jesus, e Ele absolutamente era JESUS. Antes de Seu Nascimento, até o santo profeta chamou Seu Nome de Emanuel, que é “Deus conosco.” Então, “Deus Se manifestou em carne, para tirar o pecado do mundo,” e, ao assim fazer, Ele recebeu o Nome de Jesus. Por isso, Jesus é o Nome. E o Nome foi colocado num Homem; não numa igreja, não numa denominação, não num credo, mas num Homem! Ele escolheu colocar o Seu Nome em Jesus Cristo. Agora encontramos que então, Ele Se torna o lugar de adoração a Deus, onde você O adora. 45 Mesmo antes Dele ter nascido, o Seu Nome foi chamado Jesus. Foi tão importante que, foi comunicado à Sua mãe pelo Anjo Gabriel, que Seu Nome seria chamado “Jesus, Filho de Deus,” o que Ele era.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 45 - Deus nunca colocou Seu Nome em nenhuma igreja. Ele O colocou em Seu Filho, Cristo Jesus, quando Ele e Seu Filho Se tornaram Um. Esse é o genuíno lugar de adoração. Nenhuma outra fundação foi colocada, nenhuma outra rocha.  Em Cristo, a Rocha sólida, estou firmado; Todo outro terreno é areia movediça.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 58 - É aí onde o Nome Dele está, exatamente. É aí onde Ele escolheu para colocar o Seu Nome; não na igreja, mas no Filho, Jesus Cristo.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 61 - É por isso que: “Tudo devemos fazer, seja por palavras seja por obras, devemos fazer tudo em Nome de Jesus Cristo.” Se oramos, temos que orar em Nome de Jesus. Se fazemos petição, temos que fazer em Nome de Jesus. Se andamos, andamos em Nome de Jesus. Se conversamos, conversamos em Nome de Jesus. Se batizamos, temos que batizar em Nome de Jesus Cristo. Pois, “Tudo o que fazemos por palavras ou por obras, façamos em Nome de Jesus Cristo.”

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 67 - “Nenhum outro nome há debaixo do Céu, dado entre os homens, pelo qual devam ser salvos. O Dele é o Nome de Deus de redenção. Deus tem um nome chamado Jeová-Jiré, Jeová-Rafá, Jeová-Jiré. “O Senhor perdoa todos os teus pecados.” Jeová-Rafá, “O Senhor cura todas as tuas enfermidades.” Ele tinha muitos títulos. Mas Ele tem um Nome de redenção, que pertence à raça humana, e esse é o Nome de “Jesus.” É esse o Seu Nome, que Ele escolheu colocar. Onde O colocou? Ele O colocou em Cristo.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 71 - Mas, em Cristo, Ele é o Tabernáculo de Deus. Ele é o lugar onde Deus entrou, Ele próprio, e habitou Nele. “Este é Meu Filho amado, em Quem Me comprazo habitar.” É aí onde Deus habitou, trouxe o Seu Nome e O colocou, Jesus Cristo. Portanto, o Seu Nome foi colocado num Homem, Seu Filho, Jesus Cristo, no qual Ele habitou, Ele mesmo, e nesse Tabernáculo. Onde, num tipo, a antiga Jerusalém, as antigas festas, o antigo tempo, eram um tipo; quando a fumaça entrou, no dias que a arca entrou, do concerto, e situou-se, e ouviu-se a Voz de Deus sair dela. Também ouviu-se a Voz de Deus, entrando no Tabernáculo, Jesus Cristo; o que, o Antigo (natural) era um tipo e uma sombra do Novo. E quando Ele entrou em Cristo, Ele disse: “Este é Meu Filho amado, em Quem Me comprazo habitar. E Eu escolherei o lugar onde Eu colocarei o Meu Nome, e onde Me encontrarei com o homem, e onde Eu adorarei.” Deus escolheu o lugar; não em nenhuma igreja denominacional, mas em Jesus Cristo. Sim, senhor.

O Lugar de Adoração escolhido por Deus 20/02/1965 - § 79 - Ele é o lugar de adoração escolhido por Deus, e o Nome de Deus é dado a Ele. Ele é a Palavra de Deus, e Ele é o Nome de Deus. Ele é tanto a Palavra de Deus como o Nome de Deus. “Ele foi a Palavra feita carne.” Ele foi a Palavra de Deus, Cordeiro de Deus, Nome de Deus, e foi Deus. É isso que Ele foi, o único lugar de adoração e escolhido por Deus. 80 E Deus recusa qualquer outro lugar a não ser em Jesus Cristo; não se pode adorá-Lo em qualquer lugar. Ele disse: “Em vão Me adoram, ensinando como Doutrina preceitos do homem.” Hoje temos credos, dogmas, e tudo mais, que ensinam que este é o caminho e aquele é o caminho. E Jesus disse: “Eu Sou o Caminho, a Verdade, e a Vida ninguém pode vir a Deus a não ser por Mim.” Em outras palavras: “Eu sou a Porta do aprisco. Todos os outros são ladrões.” Ele é a única aproximação. Ele é a Porta. Ele é o Caminho, a Verdade, a Vida, tudo o que há; a única entrada, o único lugar, a única adoração, o único Nome. Tudo está ligado a Jesus Cristo. Todo o Antigo Testamento está ligado a Ele. O Novo Testamento está ligado a Ele. E a Igreja hoje está ligada a Ele, pela Palavra do Seu mandamento. Não há outro lugar, ou outro Nome, ou qualquer lugar, onde Deus chegou a prometer que Se encontraria com o homem; somente em Jesus Cristo, o lugar Dele escolhido para adoração.

O ÚNICO LUGAR PROVIDO POR DEUS PARA ADORAÇÃO – 28/11/1965 - § 166 - Porém temos que encontrar o lugar onde Ele pôs Seu Nome. Porque esse lugar é a única porta provida. Amém! Glória! Vejam: onde pôs Ele Seu Nome? Em Seu Filho. 167Agora você dirá: “Um momentinho irmão Branham, esse foi o Filho e não o Pai”. 168 O filho sempre toma o nome de seu pai em todo caso. Eu vim à terra em nome de um Branham, porque meu pai era chamado Branham. Jesus disse: “Eu vim em nome de meu Pai e vocês não me têm recebido”. Desejam ter a referência onde está escrito? S. João 5:43. Então o Pai pôs Seu próprio nome, o qual é Jesus, em Seu Filho. Ele é o caminho, Ele é a porta, Ele é a casa. Ele é onde Deus escolheu para pôr Seu Nome. Deus nunca pôs Seu Nome em mim! Ele nunca pôs na igreja! Seja metodista, batista, ou católica; mas colocou Seu Nome em Cristo, o Emanuel Ungido. E o Nome está na Palavra, porque Ele é a Palavra. Amém. Então, que é Ele? A Palavra interpretada é a manifestação do Nome de Deus. Com razão!.. “Isto não to tem revelado carne nem sangue, mas meu pai que está nos céus te tem revelado isto: de Quem sou Eu. E sobre esta pedra edificarei meu lugar de adoração, e as portas do inferno não poderão te arrebatar isto!” Amém!

O ÚNICO LUGAR PROVIDO POR DEUS PARA ADORAÇÃO – 28/11/1965 - § 171 -Agora, um filho sempre vem no nome de seu pai; qualquer filho vem no nome de seu pai. Jesus disse: “Eu tenho vindo no Nome de meu Pai”. Então, qual é o Nome do Pai? Qual é o Nome do Filho? Logo disse: “Um pouco e o mundo não me verá mais, mas vós me vereis”. O que acontece é que Ele vem na forma do Espírito Santo, o mesmo Jesus. Por isso era que adoravam: “Oh, Jesus!” Vêem vocês? O Senhor Jesus Cristo é Pai, Filho e Espírito Santo; é tudo. “Eu vim em nome de meu Pai e não me recebeis...”
O ÚNICO LUGAR PROVIDO POR DEUS PARA ADORAÇÃO – 28/11/1965 - § 179É no lugar que eu escolho para pôr meu Nome”. Agora, não há nenhum outro lugar na Bíblia onde Deus haja posto seu Nome, senão em Jesus Cristo; porque Ele é o Filho de Deus, quem tem tomado o Nome de Deus, o Nome humano de Deus. E “Não há nenhum outro nome debaixo dos céus, dados aos homens, por meio do qual possamos ser salvos”. (Atos 4:12). Não importa o dos metodistas, os batistas, os presbiterianos, os catequistas, ou o que você queira fazer; é somente por meio do Nome de Jesus Cristo, ao qual todo joelho se dobrará, e toda língua confessará que Ele é o Senhor.

Talvez você ainda diga: Eu fui batizado corretamente nas águas no Nome do Senhor Jesus Cristo...ok, então agora busque a revelação disto, porque não vai adiantar nada ser batizado no nome sem saber de Quem é este nome. Todas estas citações foram apresentadas para que possamos ver que o nome usado no batismo, é o Nome de Deus, o Pai de Jesus Cristo, Nome que Ele como FILHO recebeu como herança. Mas se temos a ideia Unicista de que Jesus é o próprio Pai Eterno, como se Ele tivesse dado a nós seu próprio nome, este batismo está tão errado quanto o batismo trinitário.

O ÚNICO LUGAR PROVIDO POR DEUS PARA ADORAÇÃO – 28/11/1965 - § 180 – “Se você tem sido batizado corretamente nas águas, e logo nega a Palavra, isso prova que você é ilegítimo; seu nascimento não foi correto. Você reclama crê-lo, porém logo o nega. Como poderia eu negar minha família? Como poderia eu negar que Charles Branham foi meu pai?...”.



Você nega sua filiação com Deus quando não diz o que Deus disse sobre Seu Filho.

1º João 2: 21 Não vos escrevi porque não soubésseis a verdade, mas porque a sabeis, e porque nenhuma mentira vem da verdade. 22 Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? É o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho. 23 Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai. 24 Portanto, o que desde o princípio ouvistes permaneça em vós. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis no Filho e no Pai. 25 E esta é a promessa que ele nos fez: a vida eterna. 26 Estas coisas vos escrevi acerca dos que vos enganam.

1º João 5: 9 Se recebemos o testemunho dos homens, o testemunho de Deus é maior; porque o testemunho de Deus é este, que de seu Filho testificou. 10 Quem crê no Filho de Deus, em si mesmo tem o testemunho; quem a Deus não crê mentiroso o fez, porquanto não creu no testemunho que Deus de seu Filho deu. 11 E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho. 12 Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida. 13 Estas coisas vos escrevi a vós, os que credes no nome do Filho de Deus, para que saibais que tendes a vida eterna, e para que creiais no nome do Filho de Deus.




O ÚNICO LUGAR PROVIDO POR DEUS PARA ADORAÇÃO – 28/11/1965 - § 182 Você dirá: “Eu cri; eu também entrarei”. A Bíblia diz: “Aquele que crer que Jesus é o Filho de Deus, o tal será salvo”. Sim, em verdade diz assim. Porém recorde que também está escrito: “Nenhum homem pode chamar a Jesus Cristo, senão pelo Espírito Santo”. Pode ser que você diga que “Ele é”, porém não é senão até quando o Espírito Santo mesmo, o Qual dá Vida à Palavra, o prova por meio da vindicação, de que você em verdade é um filho de Deus.

O ÚNICO LUGAR PROVIDO POR DEUS PARA ADORAÇÃO – 28/11/1965 - § 222 Agora, igreja, temos estado ensinando, mas recordem: quando se forem deste lugar, comecem a se apartarem da casca. Agora estão entrando à semente, porém permaneçam na presença do Filho. Não acrescentem ao que tenho dito; não tirem ao que tenho dito, porque tenho dito a verdade até onde conheço; até onde o Pai me tem dado. Vê você? Não acrescentem a isto; digam só o que tenho dito.
 ----------------------------------------------
Resposta do autor da pergunta:Olá irmão Deus voz abençoe mais e mais.
 Sou grato a Deus Pai de nosso Senhor Jesus Cristo o Filho de Deus. Tenho 11 anos de CCB e 20 anos de Mensagem e só agora meus olhos foi aberto, como o diabo é sujo nos joga de um extremo a outro, da trindade nos jogou na unicidade.  Mas uma certeza da minha eleição que Deus me ajudou a tempo. Muito obrigado irmão pela ajuda. Só a eternidade possa recompensar isto. 
Sem mais.

Você pode obter o audio completo desta palestra solicitando pelo e-mail: contato@doutrinadamensagem.com.br







quarta-feira, 13 de abril de 2011

Como Contribuir

Os irmãos que já tem recebido nossas traduções e desejam contribuir
É a contribuição de irmãos e pastores que viabilizam este trabalho de tradução, impressão e distribuição de literaturas.

A contribuição poderá ser depositada nas seguintes contas:





Bradesco
Ag: 1621
C.C.: 8992-3
------------------------------------------------------------------
Banco do Brasil
Ag. 2792-8
C.C. 18776 – 3
--------------------------------------------------------------------
Banco Itaú
Ag.: 6511
C.C. 10360-5

--------------------------------------------------------------------
Salientamos que somos uma associação sem fins lucrativos, todo valor de contribuição é revertido para mantermos a estrutura necessária para continuarmos a traduzir, imprimir e distribuir novas literaturas.

Ao fazer sua doação, favor informar por e-mail, contato@doutrinadamensagem.com   
 para nosso controle

terça-feira, 29 de março de 2011

Carta de um ministro

Carta de um ministro explicando sua visão concernente a divindade e nossa resposta

"...Meu amado irmão não é tão fácil explicar esse tremendo assunto, mas com a ajuda do Espírito Santo será muito simples de compreender o que o irmão Branham ensinou sobre OS OFICIOS ou ATRIBUTOS  de Deus.
Para aceitarmos a AFIRMAÇÃO do Profeta sobre Jesus ser o mesmo Ser que Deus, não um outro Ser, mas o próprio Deus, temos que admitir que o poder de Deus é inexplicável. E verdadeiramente Ele é o TODO PODEROSO. E em verdade Ele o é.
Seria mais fácil e confortável para mim dizer: "JESUS É UM OUTRO SER DISTINTO DE  DEUS."  Mais se assim fosse NÃO teria mistério nenhum. Qual é o mistério há em afirmar que Jesus não é o próprio Deus? Na minha humilde opinião só existe mistério se Jesus for esse ÚNICO Deus. Ai sim seria um Grande Mistério como o apóstolo Paulo denominou de "Piedade": "DEUS SE MANIFESTOU EM CARNE, FOI JUSTIFICADO EM ESPIRITO,CONTEMPLADO POR ANJOS,PREGADO AOS GENTIOS,CRIDO NO MUNDO, RECEBIDO NA GLORIA." 
Vou expressar mais uma vez como eu vejo Esse Mistério, assim como eu vi o profeta falando. O profeta disse que antes de Deus criar qualquer coisa Ele existia sozinho; nesse tempo (se é que existia o tempo) Ele não era ainda Deus.
Ele não tinha esse ofício. Pois Deus é um objeto de adoração; e não existia nada para adorá-lo. O profeta disse que Ele passou a ser Deus quando os anjos foram criados; pois conforme o profeta a primeira coisa que Deus criou foram os anjos.
Se Jesus, o Filho já existisse Naquela ocasião o profeta teria dito: “A PRIMEIRA CRIAÇÃO FOI O FILHO". Porem se Ele falasse isso ele cometeria um erro.
O profeta concluiu o Livro "Uma exposição das sete Eras da Igreja" antes do dia 10 de Dezembro de 1965. Foi entre o dia 03 e o dia 05 de dezembro que o profeta permitiu Esse Precioso Livro chegar nas mãos dos eleitos dessa Era.
Dias depois, ainda no mês de Dezembro, aconteceu aquele acidente automobilistico com o profeta que o levou para o Lar. Deus só estava esperando o profeta concluir o Livro das sete Eras para repousar Seu Mensageiro.
O Livro das Sete Eras só pôde ser concluído depois que Deus revelou os sete Selos para o irmão Branham. Estou relembrando ao irmão esta importantíssima verdade, pois muitos não compreendem O VALOR  do Livro das sete Eras. Só pro irmão ter uma idéia de como esse Livro é preciosicimo, o profeta passou 5 anos editando esse Livro. Ele começou em 1960 e terminou em dezembro de 1965.
Não existem equívocos nesse livro de maneira nenhuma. O Profeta não pôde concluir o Livro das sete Eras sem antes Deus REVELAR os sete Selos. Creio que irmão esteja entendendo. No Livro dos sete SELOS e no Livro das sete ERAS é que esta explicado muitas doutrina que os homens compreendera erradamente.

NOSSA RESPOSTA:
Talvez o amado irmão neste ponto tenha se esquecido de mencionar que foi o irmão Lee Vayle quem gramatizou o Livro das Eras em conjunto com o irmão Branham. Talvez ele não tenha conhecimento de como Branham e Lee Vayle trabalhavam em conjunto. É como se hoje eles pudesem compreender as palavras do irmão Branham e o irmão Lee que trabalhou junto com o profeta não tenha entendido. Neste ponto quero por uma citação do Pr. Brian Kocourek

Agora você supõe que os homens que escreveram a Bíblia não souberam o que eles estavam escrevendo? Você homens, desafiam os escritores do Evangelho, sabem mais do que aqueles quem os escreveram? Esses que discordam com os homens que escreveram isto, são aqueles que estão em erro, e não os escritores. Então por que vai qualquer um tentar mudar a ordem de Deus de fazer as coisas. (?) Se há qualquer homem que está vivendo e que entende a Mensagem na qual o próprio Irmão Branham identificou como seu cooperador, esse é Lee Vayle.” (Ir. Brian Kocourek)

 JESUS CRISTO O MESMO 23.03.1958 - P:0022
 E se há qualquer coisa que lhe falta entendimento, algo que você não entende, meu associado Irmão Vayle aqui, está toda hora disponível para explicar qualquer coisa que parece misterioso a vocês os irmãos ministros, ou onde quer que você esteja, ou qualquer membro, qualquer coisa. Se há uma pergunta, se nós já pregamos qualquer coisa, ou fazemos qualquer coisa, que isso não seja uma promessa de Deus nesta Bíblia, você tem o direito de vir a nós e nos perguntar como irmãos. E nós lhe pedimos que faça isso. Nós lhe pedimos como nossos irmãos e irmãs para vir a nós. Nós queremos ser os servos de Cristo. Isso é o que nós representamos no mundo ao redor”.(Ir. Branham no sermão:

Continuação da carta do ministro:

Eu sempre digo aqui para os irmãos que o Livros das Sete Eras é o Livro de cabeçeiras dos cristãos eleitos desta última Era.
.
Neste ponto, gostaria de inserir aqui as palavras do irmão Lee Vayle:



“A coisa principal com que eu pude ajudar o irmão Branham foi com a escrita de seu livro “Uma Exposição das Sete Eras da Igreja”. Anna Jeanne Price, a quem ele primeiro se aproximou para fazer a edição, disse-lhe muito simplesmente que ela não conhecia a doutrina bem o suficiente para fazer a transcrição para um livro. Quando ele deu a transcrição para mim eu o li, e lhe disse: “Irmão Branham, temos que colocar uma porção de doutrina aqui porque quando você menciona a semente da serpente, quem no mundo saberá do que você está falando? Quando você menciona predestinação, quantas pessoas tem suas próprias idéias sobre isto?”. Ele disse que parecia bom para ele, e assim é como o trabalho começou. Se qualquer coisa que surgisse fosse doutrinal, nós conversávamos sobre isso até que estivesse da maneira que ele desejava que isso fosse dito.”
.
Havia uma porção de trabalho a ser feito e nós trabalhamos juntos por aproximadamente três anos no novo texto, uma vez que o irmão Branham queria o livro para incluir muito mais informação doutrinal do que o que foi originalmente incluído nas séries “A Revelação de Jesus Cristo”. Depois que o livro foi concluído, ele me disse: “Agora que fizemos isto, vamos partir para os Selos”, que ele considerava ser o principal de sua mensagem. Finalmente ele queria ter um estudo capítulo por capítulo de todo o livro de Apocalipse. O Profeta do Século XX é somente um pequeno livro, escrito no estímulo do momento, mas o irmão Branham na verdade aprovou cada palavra dele. Eu fui do começo ao fim disso passo a passo com ele, e tudo ali dentro está exatamente o que ele queria.
”(do artigo: “Testemunho de Lee Vayle”)

.
O ministro em sua carta  citou as palavras do irmão Branahm no primeiro selo que diz:
 "AGORA, AQUELE É UM DOS MISTÉRIOS DOS ÚLTIMOS DIAS, COMO CRISTO PODE SER TRÊS PESSOAS EM UM. NÃO SÃO TRÊS PESSOAS DIFERENTES. PAI, FILHO, ESPIRITO SANTO, SENDO TRÊS dEUSES COMO OS TRINITARIANOS TENTAM NOS DIZER QUE SÃO. SÃO TRÊS, SÃO TRÊS MANIFESTAÇÃO DA MESMA PESSOA. ( obs meu irmão: SÃO TRÊS MANIFESTAÇÃO DA MESMA PESSOA) OU VOCÊ PODE CHAMAR DE TRÊS OFCÍOS. SE VOCÊ ESTA FALANDO A MINÍSTROS (ministros incrédulos) VOCÊ NÃO USARIA A PALAVRA OFÍCIO; PORQUE, CORRETO, EU ACABEI DE LEMBRAR QUE ESTA SENDO GRAVADO. ENTÃO EU LHE DIREI...PORQUE CRISTO NÃO PODERIA DIZER: " EU ORAREI A MEU OFÍCIO, E ELE VOS ENVIARÁ OUTRO OFICIO." NÓS SABEMOS DISSO. MAS SE VOCÊ DESEJA ISTO... SÃO TRÊS ATRIBUTOS DO MESMO DEUS. VÊEM? NÃO SÃO TRÊS DEUSES. TRÊS ATRIBUTOS DO MESMO DEUS! VÊEM? " ( O primeiro selo, 269)

O ministro mostra aqui sua opinião e compreenção sobre isto, ele contiinua em sua carta: 
"...Agora analise cuidadosamente. Se o Pai é um atributo e o Próprio Deus. da mesma Forma é  Espírito Santo, pois também é um atributo de Deus. Antes do Senhor Ser Deus Ele Habitava SOZINHO. Ele ainda não Era Deus, pois não existia ninguém para O adorar. O profeta diz que nesse período o Senhor Enchia toda a eternidade. Mas dentro Dele estavam atributos. Atributos de ser Pai, de ser Filho, de Ser Rei, atributo de curador, atributo de Curador etc... Mas pra Ele manifestar Esses atributos Ele tinha que criar outros seres pra Ele manifestar o atributo de PAI.  O Profeta diz que Pra Ele manifestar o atributo de salvador tinha que algo pecar para se perder. Tinha que existir um enfermo para Ele manifestar o atributo de Curador etc... Nós estamos vivendo sobre um plano soberando de Deus. mas para isso ELE  colocou sua criação sob as bases de livre-arbítrio, mesmo sabendo que ela iria pecar. Pois Deus não é o autor do pecado. Mas Ele fez sua criação sabendo que ela iria cair. Mas por quê? Para manifestar os Seus atributos. Espero que o irmão esteja compreendendo".

 
Comentário do irmão Diógenes sobre atributos
“Desde o Jardim do Éden a doutrina tem sido alvo de modificações, e a razão de muitos hoje não se sujeitarem ao ensino doutrinário é porque suas mentes foram instruídas pelo ensino carnal e sensitivo, ao invés da revelação. Deus tem sido notado através da natureza, porém é somente através de Sua Palavra que Ele Se revela. A Palavra, aliás, é o princípio de todas as coisas. Através Dela Deus tem ensinado aos Seus filhos e os instruído sobre todas as coisas guiando-lhes a toda a verdade. Porém, não satisfeito em apenas Se revelar na Palavra impressa, aprouve a Deus também revelar-Se em carne humana ao tabernacular no corpo de Seu Filho Unigênito, o Senhor Jesus Cristo, migrando assim da Palavra para a carne de Seu Filho. Entretanto, esta aparente dualidade do Pai habitando no Seu Filho deu lugar a uma perfeita unidade quando o Filho sujeitou-Se inteiramente à vontade de Seu Pai, tornando-Se uma personificação de todos os atributos de Deus e até mesmo de Sua própria teofania.”

O Ministro continua em sua argumentação, dizendo que o Pr. Lee vayle se confundio:
"...E para Ele Ser um salvador Deus teve que fazer atuar como um Filho, na "peça" da morte. É justamente ai onde muitos se confundem. Ate o próprio precioso irmão Lee Vayle se confundiu, mesmo com uma mente tão brilhante com a dele. Porem o irmão Vayle não era o mensageiro e nem o profeta para compreender o Mistério da Piedade.

Nossa resposta a este argumento:

“Isto não seria o mesmo que dizer “prefiro ficar com Jesus em Mateus 28:19, do que ficar com as palavras de Pedro em Atos 2:38”? Falamos tanto dos denominacionais e incorremos no mesmo erro? Dizer que o irmão Lee Vayle não entendeu as palavras do irmão Branham é o mesmo que dizer que  irmão Branham cometeu um erro ao indicá-lo como um mestre para ensinar sobre a doutrina que o irmão Branham cria e ensinava. Dizer que irmão Lee está em erro e não compreendeu a revelação e se achar que tem a doutrina correta é no mínimo pretensão! Dizer que Deus revela ao Profeta e o profeta entrega ao sacerdote, querendo com isso dizer que o pastor não necessita do ensino do mestre é desfazer do Quíntuplo de Efésios onde ambos trabalhando sob a liderança do Espírito para  levar a igreja ao amadurecimento

Quem se confundiu? Nós que ouvimos uma mensagem de terceiro ou Lee Vayle que recebeu de Deus o dom de ensinar? O irmão Branham não disse que o ministério do irmão Lee era justamente para  que aquilo que nós não visse, ele nos  fizesse ver?

Jeová Jiréh 1 02.04.1964 -  P:2 - “Irmão Vayle é um real professor profundo. A palavra profundo quer dizer pensativo, fundo e compreensivo que pretende fazer o não visto, visto, e que não é prontamente visível é feito visível por instrução.(irmão Branham)
“Eu creio definitivamente que uma comissão foi dada a mim por Deus e reiterada pelo profeta, de que era para eu esmiuçar o que ele disse e trazer isto para o povo. Para explicar ele e a sua mensagem e o seu ministério para as pessoas. Tenho feito isso por toda a minha vida. Essa é a única coisa que eu sabia como fazer”.  Lee Vayle

O Ministro continua em seus argumentos:

"...Agora podemos compreender porque Deus revelou para o profeta William Marrion Branham. Mas mesmo assim o profeta nos adverte dizendo : "é necessário uma REVELAÇÃO para VER que o JEOVÁ DO VELHO TESTAMENTO É O JESUS DO NOVO. Satanás entrou furtivamente na Igreja e CEGOU as pessoas pra esta verdade."  O profeta ainda disse: "é necessária uma REVELAÇÃO pelo Espirito Santo para fazê-lo compreender a VERDADE QUE ELE É UM".  

NOSSA RESPOSTA:

:
João 5: 28 Não vos maravilheis disto; porque vem a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. 29 E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal para a ressurreição da condenação. 30 Eu não posso de mim mesmo fazer coisa alguma. Como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, (por que?) porque não busco a minha vontade, mas a vontade do Pai que me enviou. Ali você o tem. Jesus pode julgar a causa de Deus, Seu Pai, sabendo que Ele somente julga o que Deus já tem julgado. Ele disse, não tenho vindo para fazer a minha propria vontade mas a do Pai que me enviou. Então Ele disse, 31 Se eu testifico de mim mesmo, o meu testemunho não é verdadeiro. 32 Há outro que testifica de mim, e sei que o testemunho que ele dá de mim é verdadeiro.

No verso 36 encontramos de Quem é o testemunho, Jesus fala sobre isso. E se Jesus é consistente no que Ele tem dito, então tem que ser Seu Pai que fala sobre isso quando vemos em JOÃO 5: 36  Mas eu tenho maior testemunho do que o de João; porque as obras que o Pai me deu para realizar, as mesmas obras que eu faço, testificam de mim, que o Pai me enviou.
37 E o Pai, que me enviou, ele mesmo testificou de mim. Vós nunca ouvistes a sua voz, nem vistes o seu parecer. (ASPECTO. Trad.) 38 E a sua palavra não permanece em vós, porque naquele que ele enviou não credes vós.

Agora, detenhamo-nos por um momento e vejamos outra escritura que Jesus está falando deste juizo. Voltamos a JOÃO 8: 16 E, se na verdade julgo, o meu juízo é verdadeiro, porque não sou eu só, mas eu e o Pai que me enviou. 17 E na vossa lei está também escrito que o testemunho de dois homens é verdadeiro. 18 Eu sou o que testifico de mim mesmo, e de mim testifica também o Pai que me enviou. 19 Disseram-lhe, pois: Onde está teu Pai? Jesus respondeu: Não me conheceis a mim, nem a meu Pai; se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai.
 Notem as palavras de Jesus, Ele disse, não sou eu só. Agora, isso fala de outro, significa mas de um que está envolvido aqui. E nos diz imediatamente quem é o outro... eu e o que me enviou, o Pai. Logo ele disse, 17 E na vossa lei está também escrito que o testemunho de dois homens é verdadeiro. Então notem quem são estes DOIS HOMENS  que ele usa para seu testemunho.

vonces notem quem são estes DOIS HOMENS que ele usa para seu testemunhoo. 18 Eu sou o que testifico de mim mesmo, e de mim testifica também o Pai que me enviou.  

Agora se Jesus se considerou ser Um com Deus nessa maneira, por que falaria estas palavras? Mas eles não podiam ver Seu Pai porque eles não entenderam sobre o que Ele falava. E de modo que eles buscaram um que não podia ser visto, e erraram não vendo que Ele vivia em Seu Filho.

O ministro continua seu argumento:
"...O mistério é que Jesus foi tanto Deus quanto homem. Ele foi o Filho? certamente que sim. Ele nasceu de mulher e foi contado entre os malfeitores. Se Ele não se manifestasse como um mortal Ele seria pai dele mesmo. Mas Ele verdadeiramente se fez carne e habitou entre nós."
.
Aqui chamamos sua atenção para estes versiculos das escrituras e palavras do imão Branham:

voltando a João 14:8 lemos, Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta. 9 Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai? 10 Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras. 11 Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.

Obviamente pelo que temos visto até agora, Jesus não disse aqui que Ele e Seu pai são um como seu dedo é um. Mas o que  disse é que a mesma Palavra  que está no Pai, mora Nele e isso lhe faz a Ele um com o Pai. O irmão Branham mas além o clarificou isto no sermão

MOSTRA-NOS O PAI O QUE NOS BASTA 56-0422 E-36 (Inglés) Agora, muitas vezes tem sido dito que nenhum homem pode ver Deus em qualquer momento, a Bíblia diz assim. Mas o unigênito do Pai O declarou. Felipe, aqui ele foi muito inquisitivo; (curioso. Trad.) ele quis ver o Pai. Diz aqui que Ele disse, "Estou a tanto tempo convosco, Felipe, e não me conhece? “Disse, "Quando você vê a mim você vê Meu Pai." Em outras palavras, você vê o Pai expressar-Se através do Filho. Ele e o Pai eram um no sentido de que Seu Pai estava habitando N´Ele, não Ele fazendo as obras; Ele era um Filho, Ele mesmo, o mortal, nascido da virgem, Filho de Deus. E então N´Ele estava habitando o Deus o Pai, expressando a Si mesmo para o mundo, Sua atitude para com as pessoas. Vê? Bem, é assim que Cristo e Deus eram um. Deus estava em Cristo reconciliando o mundo Consigo mesmo. Agora, Ele disse, "Quando você vê a mim, você vê o Pai, e por que você diz, ' Mostre-nos o Pai? ' 
Muitos pegam citações do irmão Branham e acham que sabem da doutrina, quando pegaram apenas uma parte dela. Se ouvíssemos o irmão Branham pregando sendo nós trinitários, diríamos que ele era Unicista, e os unicistas quando o irmão Branham pregou contra os “só Jesus” achavam que ele era trinitário. Isso porque não conseguiram andar com ele no centro do caminho. E sempre que apontamos as pessoas o centro do caminho nos acusam que estamos pregando dois deuses!
No sermão, ELE JUROU POR SÍ MESMO 54-1212 (Inglés) nós podemos encontrar William Branham esclarecendo que foi isto o que Jesus quis dizer quando ele falou com Filipe.

Uma vez que três é testemunha, deixe-me compartilhar mais uma citação com vocês onde William Branham elucida melhor meu ponto de que Jesus e Deus eram um pelo fato do Pai estar habitando Nele, dirigindo-O pela Sua Palavra.

"Ele disse, “Eu e Meu Pai somos um. Meu Pai está em Mim.” Disse, “Mostra-nos o Pai.” Filipe disse, “Mostre me o Pai e isto me bastará.” Disse, “Filipe, estou há tanto tempo convosco, e não Me conheceste?” Ele disse, “ Quando Tu me vês, tu vês o Pai. E por que dizes, ‘Mostra me o Pai.’ Eu e o Pai somos um. Meu Pai está morando em Mim agora. Não sou Eu que faço as obras; é Ele que habita em mim Quem faz as obras.” Oh, que coisa. Como eu poderia dizer para um homem o que está errado com ele? Como eu poderia dizer-lher qual será seu futuro dentro de dez anos, ou o que ele foi há quarenta anos atrás? Não sou eu. Aleluia. É Ele que vive em mim, que desceu, que através de Seu Sangue me trouxe em companheirismo com Ele. Aleluia. Como as minhas mãos poderiam fazer alguma coisa curando os enfermos? Ela não tem nem um pouco de poder. Não sou eu. Mas é Ele que habita aqui dentro que faz isto."
Conferência 60-1125  E-73 Quando Ele disse, “Não sou Eu que faz as obras. É meu Pai. Ele habita em Mim. Eu e Meu Pai somos Um. Eu e Meu Pai somos Um. Meu Pai habita em Mim. E Ele fez as mesmas obras que tinha feito quando Ele habitou naquele Corpo de pé ali diante de Abraão.
COMO FUI COM MOISÉS 51-0503  E-15 (Inglês) Quando Jesus de Nazaré... Eu creio que o Pai estava Nele, que todas as grandes coisas que eram do Pai foram dadas ao Seu Filho, todas as grandes bênçãos e dons; pois Ele era a imagem expressa do Pai. E Nele habitou todas as riquezas de Deus habitando Nele aqui, olhando para cima. E eu... Ele disse, “Eu e Meu Pai somos Um. Meu Pai habita em Mim. Justo como Jeová, justo como como o era Jeová, o foi Jesus.. Ele era a imagem expressada Dele. Ele foi Deus formado aqui, e todos os poderes de Deus formados, e colocados em um corpo humano. Ele disse, “Não sou Eu que faço as obras; Meu Pai que habita em Mim; Ele faz as obras.
DONS 56-1207 E-29 (Inglés) Agora, em Cristo habitava a Plenitude da Divindade em corpo. Ele tinha todo o Espírito de Deus dentro Dele. “Eu e Meu Pai somos Um, disse Jesus. Essa é a razão pela qual as pessoas não conseguiam entendê-Lo. Às vezes ele dizia uma coisa, pode ser que parecia que Ele virava e dizia alguma coisa diferente. Era Ele falando, então o Pai falando. Vêem? Eles estavam... E até mesmo os discípulos não conseguiam entendê-Lo. E até que finalmente, eles disseram, “Ei, agora Tu falas claramente. Agora, nós cremos por isso se tu sabes todas as coisas; ninguém precisa te ensinar.” Jesus Disse, Crêdes agora?” Depois de todo esse tempo, eles não conseguiam entender o... Por quê? Que às vezes Ele dizia isto e depois dizia aquilo.  Era Ele e o Pai falando. E-30 Agora, notem com atenção. Agora, Deus habitando em Cristo usava Sua voz para falar. Jesus disse em Seu milagre, “Na verdade, na verdade, vos digo que o Filho por si mesmo não pode fazer coisa alguma, se o não vir fazer ao Pai; porque tudo quanto ele faz, o Filho o faz igualmente.” Isso está certo? São João 5:19. Então Ele não fazia nada de Si Mesmo. Nenhum profeta jamais fez alguma coisa de si mesmo, até que Deus primeiro mostrasse o que fazer. Que erro Moisés cometeu quando ele saiu sem a visão de Deus e feriu o egípcio, pensou que ir libertá-los com suas mãos, porque ele pensou que tinha bastante fé e podia fazê-lo, porque ele foi chamado para o trabalho. Não importa o quanto você seja chamado para o trabalho, Deus tem que fazer a liderança. Vê? Ele falhou com toda a sua escolaridade e sua mentalidade militar e seu treinamento como grande líder egípcio. Mas, todavia, isto falhou, porque Deus tinha um programa e nós temos que trabalhar de acordo com o programa de Deus. Não importa o que façamos, quão esperto sejamos, nós temos que nos humilhar e trabalhar de acordo com o programa de Deus.

Vemos isso no ministerio do Senhor Jesus, Ele se submeteu a vontade de Seu Pai, e ouvio primeiro Dele, para depois ensinar.